atestado-de-antecedentesO Atestado de Antecedentes Criminais é um documento importante para saber a “índole” de uma pessoa, através dele é possível verificar a existência de débitos com a justiça. Já ensinamos aqui como emitir o atestado de antecedente na polícia civil de cada estado. Hoje falaremos sobre a emissão do documento na Polícia Federal (PF), pois se você quiser conseguir um emprego, muito provavelmente o documento estará na lista de exigência para contratação. A existência de registros no Atestado de Atendentes Criminais pode impedir ou até dificultar a entrada no mercado de trabalho.

O serviço está disponível gratuitamente, no entanto para que o documento possa ser emitido é necessário que todos os dados estejam corretos. Em alguns casos o documento pode não ser emitido, como por exemplo quem tem RG (Registro Geral) sem o dígito verificador, ou ainda quem apresentar divergência dos dados. No caso de pais desconhecidos você deve escrever “Desconhecido”, sem as aspas no campo para digitar a informação.

Como emitir e consultar antecedentes

A emissão do Atestado de Antecedentes Criminais (Federal), deve ser feita pelo site da Polícia Federal, você visualizará um formulário como o indicado abaixo:

consulta-antecedentes-criminais

Nele devem ser informados: nome, filiação, data de nascimento, naturalidade, nacionalidade, documento de identificação, órgão emissor e CPF. Quanto mais dados você informar mais fácil fica a emissão do documento. Caso exista divergência entre os dados informados e os dados cadastrados na Polícia Federal, o documento não será emitido.

Se os dados forem informados corretamente na página seguinte, após clicar em “Pesquisar” você terá a disposição para impressão o documento que comprova o registro de antecedentes ou então o chamado “Bons Antecedentes”, como é chamado o nada consta criminal.

Quem já teve registro Quem já foi condenado e cumpriu todas as etapas do processo pode solicitar que os dados do Antecedentes Criminais sejam remetidos a um arquivo sigiloso (Arquivo Confidencial), desta forma o registro de passagens pela polícia será de visualização apenas para autoridades policiais, na consulta comum não será apresentado nenhum dado. Para isso você deve se dirigir ao Cartório responsável pelo processo e solicitar uma “Certidão de Objeto e Pé”, com esse documento é possível solicitar a remessa dos dados para o chamado “Arquivo Confidencial”. A maioria dos estados disponibiliza programas de egresso, como Pró-Egresso, que facilita a entrada no mercado de trabalho através de parcerias com o governo do estado.