O CADMUT é o Cadastro Nacional de Mutuários, apesar dele existir a muito tempo são poucas as pessoas que sabem qual a sua utilidade. Se você vai fazer um financiamento imobiliário certamente terá o seu nome consultado nele e caso tenha o nome incluído pode até mesmo acarretar na recusa do seu crédito com a instituição bancária. O cadastro é tão desconhecido que muitos funcionários de bancos e imobiliárias acabam informando que o Cadmut se trata de um cadastro de devedores, quando na verdade ele é apenas o Cadastro Nacional de Mutuários, ou seja, cadastro de quem adquiri uma casa, apartamento, terreno, crédito imobiliário, etc através de empréstimo.

cadmut-caixa-economica-federal

O Cadastro Nacional de Mutuários (CADMUT) tem também o objetivo de identificar todas aquelas pessoas que adquiriram empréstimos para aquisição de um imóvel, terreno ou crédito para construção. O cadastro também é utilizado para identificar as pessoas que adquiram imóvel com subsídio do Governo, ou seja, quem foi contemplado com imóvel de algum programa habitacional. O nome só sai deste cadastro quando houver a quitação total do financiamento ou do período de carência, sendo retirado pela própria instituição bancária que realizou o cadastramento.

O cadastro é administrado pelo SICDM (Sistema de Cadastro de Mutuários) através da Caixa Econômica Federal (CEF) e informa a instituição bancária ou interessado se o cidadão possui:
Financiamento imobiliário de qualquer natureza (imóvel, terreno, material de construção, etc);
Se o cidadão foi contemplado com imóvel subsidiado pelo governo ou programa habitacional de interesse social (ex: CDHU, Minha Casa, Minha Vida, Cohab, etc);

Como consultar

A consulta deve ser realizada por meio do Portal SICDM www.sicdm.caixa.gov.br e o login deve ser realizado por meio do Usuário e senha cadastrados. Caso este seja seu primeiro acesso deverá efetuar o cadastro pelo próprio site do CADMUT, para efetuar o registro é necessário ter um número de inscrição social (NIS) que pode ser o número do PIS ou PASEP.

Como retirar o nome do CADMUT

Se você já quitou o seu financiamento ou o seu nome está cadastrado indevidamente, será necessário entrar em contato diretamente com a Instituição Financeira responsável para solicitar a retirada do seu CPF do cadastro. É preciso comparecer em uma agência do Banco responsável para solicitar a baixa no cadastro por quitação, caso já tenha pago todas as parcelas do financiamento.

Ter o CPF incluso no CADMUT não impede o financiamento de novos imóveis, porém ele é um dificultador, isso porque o banco saberá que sua renda já está comprometida com um financiamento, portanto na análise de risco poderá recusar o crédito.