O Instituto Nacional do Seguro Social, mais conhecido pela sigla INSS, garante ao trabalhador brasileiro a aposentadoria, auxílio-doença, maternidade, pensão, entre outros benefícios caso ele tenha direito. Para ser beneficiado é importante trabalhar registrado (com carteira assinada) ou então contribuir de maneira individual. Na matéria de hoje você confere como fazer a Inscrição do Contribuinte Individual e também como descobrir o seu NIT (Número de Inscrição do Trabalhador) caso você tenha-o esquecido. A pesquisa pode ser feita através do site da Previdência Social, permitindo que o contribuinte que não tem PIS/PASEP ou NIT faça sua própria inscrição ou então descubra o número, caso já tenha cadastro.

INSS

O trabalhador brasileiro precisa ter, pelo menos, um dos seguintes documentos: NIS (Número de Inscrição Social), NIT (Número de Inscrição do Trabalhador), PIS (Programa de Integração Social) e PASEP (Programa de Formação de Patrimônio do Trabalhador). Pois eles são exigidos em muitas situações do dia a dia, como, por exemplo, para cadastrar um currículo no portal Mais Empregos do Ministério do Trabalhado e Emprego (MTE), Emprega São Paulo, entre outros.

A inscrição pode ser feita por qualquer pessoa, seja para Contribuição Individual com o INSS, contribuinte facultativo, empregado doméstico ou segurado. O procedimento para emissão é muito simples e fácil, antes de iniciar o processo salientamos que é necessário ter em mãos os seguintes documentos: carteira de identidade, carteira de trabalho (opcional) e CPF (Cadastro de Pessoa Física). O número da inscrição social é gerada na hora, caso você já possua um cadastro anterior o número será apresentado na página, pois só é preciso ter um cadastro, sendo assim, é possível recuperar o número seguindo os precedimentos informados abaixo.

Primeiro o contribuinte deverá acessar o site Inscrição do Contribuinte Individual posteriormente deverá selecionar a opção [Inscrição], posteriormente deverá preencher o formulário de inscrição com seus dados (de acordo com o tipo de inscrição desejada), ao final será gerado o número do NIT (Número de Inscrição do Trabalhador) com ele você consegue inclusive contribuir com a Previdência Social de forma individual, facultativa, empregado doméstico e/ou segurado especial.

Observação: alguns leitores têm encontrado dificuldade para efetuar o cadastro pois a página da Previdência Social constantemente apresenta problemas devido a grande quantidade de acesso. A nossa dica é tentar utilizar o site em dias e horário alterados. Caso não consiga se cadastrar pelo site, poderá ligar no 135 e efetuar o agendamento em uma agência do INSS mais próxima de sua residência.